Blog do TaQ

Macacos me mordam!

Publicado em Developer

Essa é boa. Aqui vai um trechinho:

Há alguns dias atrás li no "blog" do Fernando Ike que o mesmo tinha 
algumas dúvidas quanto a incompatibilidade entre versões do DotNet e 
do Mono. Na verdade a dúvida do Ike vem de uma leitura feita no "blog" 
do TaQ, mas especificamente essa entrada aqui. Pelo pouco que conheço do 
TaQ dá para perceber que ele é um daqueles amantes do Ruby que acham que 
o Mono é coisa do diabo, eu tentei adicionar um comentário ao "blog" dele 
mas não foi possível então aí vai uma explicação para o problema.

Alguns comentários sobre o post:

  1. Não se se entendi direito por que o "blog" está com aspas (apesar que o do Fike está também), mas afinal, talvez seja por que não deixo inserir comentários aqui. Se for por causa disso, sim, não tem mesmo, de propósito, qual é o problema, não pode chamar mais de blog então? Chama de que, diário? Definição da Wikipedia aqui. "Caro diário, hoje ..." ;-)
  2. Pelo tempo que me conhece é boa. Tá certo que ele comentou que foi pouco, mas expressar algumas opiniões a partir disso é meio ... precipitado, digamos. Uns dois ou três dias conversando no IRC sendo que no último foi justamente um dia que houve post no BR-Linux (não sei se foi esse ou esse) falando sobre Mono onde o povo desceu o pau e ele comentou que estava de saco cheio disso. Detalhe: eu quieto no meu canto, onde apenas proferi no chat "não gosto do Mono e não usaria na minha empresa". Isso é ser radical, pegar no pé do Mono ou se chama liberdade de escolha, ou agora não posso falar nem fazer mais isso? Pelo que parece não, por que depois ele parou de falar comigo.
  3. Caramba, amantes de Ruby já estão nesse nível já, digo, já existem tantos assim que pensam que o Mono é coisa do diabo que eu estou entre eles? Puxa, vou tentar descobrir os outros, quem sabe a gente não faz um clubinho tipo ... deixa pra lá. :-)
  4. A explicação que ele deu está comentada no final do artigo, no trecho "However, developers can run both .Net Framework 1.1 and .Net Framework 2.0 side by side on the same machine so that applications can run against the framework version they were built against", Roxe said. "By default when you build an application against the .Net Framework it will default to the version you built it on," Roxe said. "If you have 2.0 on your machine and the application is written against 1.1, it will by default try to run on 1.1.". Eu até comentei que acho que se um já bagunça tudo, imaginem dois.
  5. Ah, e no trecho acima foi comentado do do .Net, não do Mono, especificamente nesse trecho. O que me leva a pensar se ele leu o artigo inteiro ou leu um pouquinho e, pelo pouco que conheci dele, deu pra perceber que é um daqueles amantes do Mono que pensam que qualquer crítica é coisa do diabo, e já saiu na defensiva.


Tags:


Comentários

Sem nenhum comentário.

comments powered by Disqus

Twitter