Blog do TaQ

Criando VCDs e SVCDs no GNU/Linux

Publicado em GNU/Linux

Eu comprei um gravador de CD/DVD alguns dias atrás e estava procurando um jeito de criar alguns VCDs (eu sei que DVDs são mais legais, mas os VCDs são bem práticos) com os filmes em MPEG que faço na minha camêra digital.

Após apanhar um pouco de algumas ferramentas (ffmpeg, transcode,vcdimager) e conseguir queimar apenas uns VCDs com problemas, tipo, com vídeo e sem som, achei uma ferramenta muito prática que um santo disponibilizou: o encode2mpeg.

Ela utiliza o MPlayer e as mjpegtools para fazer a conversão, então levando em conta que o MPlayer já é mais comum de ter instalado, só precisamos instalar as mjpegtools por que o encode2mpeg é um script bash! :-)

E olhem que prático: para queimar um VCD com um arquivo chamado, digamos, bigmovie.mpg, é só usar
encode2mpeg -o <TITLE> -n <NORM> <SOURCEVIDEO> -stdvid <n>
onde TITLE é o nome do arquivo de saída, NORM pode ser PAL/NTSC, SOURCEVIDEO é bigmovie.mpg e n pode ser:
  1. VCD Direct Mode
  2. VCD Indirect Mode
  3. VCD Mpeg Mode
  4. SVCD Direct Mode
  5. SVCD Indirect Mode
  6. SVCD Mpeg Mode
No meu caso eu usei assim:
encode2mpeg -o bigmovie_e2m.mpg -n PAL bigmovie.mpg -stdvid 3 -imageonly
Tchans! Olha o arquivo (bigmovie_e2m.mpg) lá, pronto para gravar com o k3b!
Inclusive eu usei a opção -isoonly, por que senão ele já iria gravar o VCD! Completíssimo! Vejam mais (MUITAS!) outras opções na página do projeto, inclusive dá para inserir background, capítulos etc e tal.

Atualizado em 10/06/2005 16:40: Eu havia usado a opção -isoonly, mas era -imageonly, já corrigi ali em cima. :-)
Tags:


Comentários

Sem nenhum comentário.

comments powered by Disqus

Twitter